quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

OS SEGREDOS DO SHINOBIJUTSU


Literaturas sobre artes marciais clássicas e principalmente sobre o Ninjutsu são escassas no Brasil. Essa carência de informações especializadas gera aos aficionados sobre o assunto uma visão distorcida e fantasiosa sobre esses agentes de espionagem do antigo Japão. Essa limitação sobre um assunto tão abrangente e enigmático induz as pessoas a caírem na malha imaginária que a mídia sensacionalista e charlatões proporcionam pisando sobre uma tradição milenar. O autor resolveu expor os conhecimentos dessa arte, traduzindo um dos documentos mais importantes escrito por um real Ninja do século dezessete, e comentando sobre assuntos polêmicos e distorcidos, assim deixando com que o leitor descubra a verdade sobre a arte militar mais eficiente já vista.

O autor é um santista, profundo conhecedor da cultura japonesa, respeitado professor de artes marciais clássicas e 館長 Kanchô (presidente) da 裏技武芸会 Urawaza Bugei Kai, uma instituição fundada com o objetivo de difundir e preservar a prática das tradições marciais e seus princípios originais, não somente visando o aspecto de combate, mas através de sua prática, a evolução do ser humano de forma integral.
Recebeu os seus ensinamentos do mestre iraquiano Ingo Taleb Rashid sendo o único aluno no Brasil e agora transmite seus conhecimentos sobre o personagem mais envolto de mistério do Japão, o Ninja, nessa maravilhosa obra.

Estratégia, psicologia, neurolinguística, fisiognomonia, manipulação, ocultação, disfarce, decepção, magia, filosofia e espiritualidade são alguns dos temas dessa inestimável obra escrita por um detentor da tradição Ninja do século XVII, Natori Masazumi.

A atividade de inteligência ou espionagem foi, e ainda é, uma atividade indispensável nas guerras, como diz o famoso estrategista Sun Zi:
“Uma operação militar de importância é um grave escoadouro da nação, e podem durar anos de luta pela vitória de um dia. Por isso, ignorar as condições do inimigo por não querer recompensar a inteligência é algo extremamente desumano.”


Esse foi o exemplo empregado por muitos generais do Japão, que inteligentemente usaram as habilidades do mais completo espião que já existiu, o Ninja. Chega até você, amante das artes marciais, estratégia, cultura japonesa ou quem busca ampliar seus conhecimentos, essa maravilhosa obra traduzida pela primeira vez na língua portuguesa.


Um comentário:

  1. Recomendadíssimo !!! Leitura mais que obrigatória ao shinobi moderno para a compreensão dos diversos artifícios usados na antiguidade por longos anos.

    ResponderExcluir